segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Reveillon dos gêmeos

Tempos atrás o doido do papai queria passar o Reveillon na praia, levando toda a patota. De início euzinha aqui falei um "tá bom!". Passou o tempo  e em meados de novembro ponderei que seria melhor ficarmos quietinhos em casa mesmo.

Os argumentos foram muitos: bebês muito pequenos para areia, sol e mar; todos as praias possíveis de ir com crianças pequenas, ou seja, com o mínimo de infra (supermercado, farmácia, hospital...vai que...), costumam estar LOTADAS, com muitas filas em todos os lugares, quando não falta água, né?; estradas lotadas, com congestionamentos e perigo dobrado de ocorrer acidentes; é época de São Pedro abrir as torneiras e esquecer de fechar; e, o mais importante: está muito cedo para quebrarmos completamente a rotina de horários de comidinha, banho, soninho. Ufa!!! Tudo isto me deu muita preguiça...

A verdade é que até a manhã do dia 31 não tínhamos resolvido o que fazer...talvez deixar as crianças em casa com a babá e passar a virada no clube...talvez.

Mas a chuva coava fininha e deu preguiça geral. Melhor a fazer era mesmo um reveillon no conforto da  nossa varanda e, sem gastar quase nada. Marido, então, foi ao supermercado (milagre!!!!), e comprou umas cervejinhas, uns petiscos, umas frutas. O espumante já estava na geladeira desde o Natal. Vieram Paulo Alexandre e a namorada e mais um casal de amigos deles. Pronto, festa garantida.

Paulinha e Otávio acordaram às 23:30h, para a última mamada do ano. Daí tirei os 2 do berço que era para participarem da festa da contagem regressiva junto com a gente.
Qual não foi a nossa surpresa quando da nossa varanda pudemos apreciar uma queima de fogos, que suponho ser de um clube próximo daqui.

Precisavam ver a carinha do Otávio e principalmente da Paulinha. Era um misto de surpresa e susto!

E vcs acreditam que esqueci de tirar fotos?

Foi assim que entramos neste ano de 2011, que será um ano muito especial. Paulinha e Otávio vão aprender a falar, andar, interagir um com o outro, interagir com o mundo.

E eu serei a pessoa que mais vai aprender com isto tudo!